sexta-feira, 17 de maio de 2013

Nunca vão perceber.


Estou aqui sentada na cama, de novo com aquele desejo. Aquele desejo que me persegue há uma semana. O desejo de me expressar através da escrita mas sem saber o que dizer, nem como dizê-lo. Aquela vontade de voltar a pegar num papel e numa caneta e apenas escrever. Escrever mesmo que não faça sentido...mesmo que ninguém perceba a minha letra... mesmo que eu chore...até a tinta da caneta se acabe ou até o teclado se quebre...
As pessoas que supostamente se preocupam comigo estão me dizendo o que fazer e o que não fazer... como agir... Falam de mim como se eu não pudesse ouvir... falam sobre nós... como se eu não soubesse o que estou a fazer... como se eu fosse estúpida, uma criança ingénua... talvez o seja, uma criança...
...A minha felicidade saiu daquela porta contigo. A minha vida deixou de fazer sentido após receber o teu e-mail. Não me respondes aos sms, não me atendes as chamadas... Sinto um enorme vazio dentro de mim.
Como foste capaz de desistir de tudo, quando prometeste que irias lutar por nós?! Como foste capaz de desistir de mim?! De que vale as nossas discussões parvas se no final do dia não podemos voltar a estar nos braços um do outro?! Falhamos... Mas ainda há tempo!... Não há?... Podemos voltar atrás!... Não podemos?...
´´Eles´´ não percebem, nunca perceberão. Não sei como lhes explicar que te amo... EU AMO-TE!! Nunca vão perceber... Nunca vão perceber que cada momento que passo contigo sinto-me livre, sinto-me EU, sinto-me independente e capaz de tudo. Nunca vão perceber o amor que nutrimos um pelo outro. Acham que sou um Ser incapaz de perceber o Amor por ser "nova demais para essas coisas". Nunca vão perceber que ao estar ao teu lado estarei sempre protegida, nada nem ninguém me fará mal...Nunca vão perceber que me forneces ideias para o futuro, o teu e o meu futuro, que és um rapaz decente, que... Nunca vão perceber. Ninguém me pode ajudar porque nunca vão perceber O Nosso Amor. Mas pouco importa agora o que me aconteça agora pois já perdi tudo o que tinha a perder...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Posts Mais Vistos: