sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Vem anjo*

 
Vem. Vem para os meus braços, deixa-me proteger-te. Vem, não tenhas medo, não vou deixar que nada te aconteça. Anda... deixa-me mostrar-te o que é ser feliz, o que é sorrir perante as pequenas coisas que a vida tem para nos dar. Vem, anjo, vem sentir o quanto te amo. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Posts Mais Vistos: